30 de março de 2014



O Google Media Tools é um website que visa capacitar jornalistas de todos os níveis para utilizarem de forma otimizada as ferramentas do Google que são úteis na atividade de um repórter. Trata-se de uma página excelente, inclusive com dicas e recomendações indispensáveis para o webjornalismo!

O projeto, lançado em 2013 em inglês, ganhou versão em espanhol no último dia 19 de março e, segundo Daniel Sieberg, chefe de relações com a imprensa no Google, a ideia é lançar versões em outros idiomas.


"Vamos adicionar mais recursos, incluindo estudos de casos, tutoriais e conteúdo expandido nos próximos meses, e em breve [o Google] vai lançar o site em outros idiomas também", publicou Sieberg no blog oficial do Google ao lançar a primeira versão.

Se você desconhece o Google Media Tools (Ferramentas de Mídias), apresento um resumo do que é disponibilizado por lá!


Conhecendo o Google Media Tools
O website voltado para jornalistas está dividido em 6 (digamos) editorias e diz que que devemos tê-lo como "sendo um ponto de partida para acessar o pacote de ferramentas do Google que podem aprimorar a coleta e a distribuição de notícias na televisão, no rádio, na mídia impressa e on-line".

Reunir e organizar
Nesta página são mostrados recursos que ajudam na hora de se fazer pesquisas mais eficientes. São apresentados detalhadamente as ferramentas de Pesquisa Avançada, Google Trends e Google Analytics, Pesquisa de Opinião e Google Drive.

O Google apresenta, por exemplo, a ferramenta Google Alerts que foi melhorada e já andei falando sobre ela no ferramentasfoca.com

+ Google Alerts inova e apresenta botões sociais de compartilhamento
+ Como fazer clipagem digital com Google Alerts

Após as inovações, agora é possível escolher idioma e região ao criar um alerta. 

Envolver
Aqui você descobrirá várias maneiras de aprimorar visual e socialmente o jeito que as pessoas acessam as notícias. Nesta seção, são abordados o envolvimento on-line e por vídeo.

Entre as muitas recomendações, vale destacar uma voltada para editores de websites (webjornalistas e blogueiros):
  • Tenha uma assinatura de autores na Pesquisa Google.
Trata-se de uma das mais novas mudanças nas buscas do Google. É um recurso que possibilita para o Google informar em seus resultados o perfil da pessoa que escreveu o texto juntamente com a foto, dando assim muito mais destaque aos resultados de bons autores. Veja um exemplo:


"O Google percebeu que certas pessoas são reconhecidas por serem bons autores e que as pessoas confiam mais em seus textos por já terem lido outros textos anteriores deste mesmo autor ou porque este autor é uma referência em um determinado tema", explica Eduardo Gaspareto, Analista de Sistemas e especialista em SEO.

Em artigo publicado na página da Agência Mestre, Gaspareto explica detalhadamente tudo sobre o Rel=Author. Inclusive, como implantar o recurso em websites com um autor ou vários.


Visualizar
Recomendações fantásticas sobre o conjunto de produtos do Maps Engine, que oferece soluções de mapeamento familiares para iniciantes e profissionais que têm um prazo a cumprir.

Apenas para citar um exemplo, o Estadão criou um gráfico das intenções de votos com base em dados coletados antes da eleição para prefeito de São Paulo em 2012. O veículo de comunicação é mencionado pelo Google Media Tools.



+ A geografia do voto em São Paulo (Estadão)

Publicar
Um dos assuntos abordados nesta área é o uso de imagens. O Google faz algumas recomendações:
  • Não incorpore textos importantes em imagens.
  • Conte-nos o quanto você puder sobre a imagem.
  • Forneça um contexto bom para sua imagem.
  • Pense sobre as melhores maneiras de proteger suas imagens.
Recentemente eu compilei uma série de recomendações úteis para o webjornalismo, recomendo que você leia.

+ Técnicas de SEO recomendadas e aplicáveis ao webjornalismo

Para obter outras recomendações, o Google disponibiliza uma página dedica aos webmasters. Trata-se da Central do Webmaster, que oferece conteúdo excelente.

Desenvolver
O Google oferece várias formas em que os desenvolvedores na área do jornalismo podem usar ferramentas de maneira inovadora, mudando o modo como as notícias são acessadas. 

Um dos destaques para essa área é a Google Developers Academy, que oferece vários cursos direcionados a todos os níveis de habilidades com aprendizado baseado em currículos.

Recursos adicionais
O Google também oferece ferramentas que podem ajudá-lo a aprimorar matérias internacionais sobre política, ameaças à liberdade de expressão, desastres naturais e mais.

Google Política e Eleições
O Google Políticas e eleições é um canivete suíço para jornalistas, analistas políticos, gerentes de campanha e pessoas interessadas no processo democrático de eleições ao redor do mundo. Para algumas eleições, são oferecidos resultados em tempo real de vários parceiros de notícias sobrepostos no Google Maps. O painel de tendências pode rastrear atividades on-line do candidato ao longo do tempo e vinculá-las às matérias do Google Notícias de ambos os lados. Também é possível encontrar os canais do YouTube dos candidatos, suas páginas do Google+ e Hangouts relacionados do Google+.

Conclusão
Diante de todo esse aparato de ferramentas, continuo dizendo que webjornalismo é muito mais que publicar um texto na web. Além disso, percebemos o quanto a web pode ajudar muito mais a fazermos um jornalismo aprofundado e que gere retorno satisfatório em todos os sentidos.

Fontes:
Google America Latina Blog
Google Blog
Agência Mestre
Tech Runch
Knight Center






Comentários: