24 de novembro de 2013



A formação em jornalismo é apenas um passo diante dos vários para quem busca caminhar rumo ao profissionalismo na área.

Embora o mercado esteja cada vez mais enxuto e complicado para estudantes que pretendem conseguir um lugarzinho em alguma redação, não desanime. Algumas dicas podem ser úteis. Fique atento às ações que contribuem para o seu crescimento profissional.

Baseado em minhas leituras e experiências (pouca - risos), listo 10 dicas que considero importantes para todos nós. Ah, fique à vontade para discordar ou acrescentar!



Dica 01 - Vá além das aulas na universidade
Se você acredita que universidade ensina técnicas e mais técnicas de redação, telejornalismo, radiojornalismo e por aí vai, cuidado. Infelizmente, nem todos nós temos a oportunidade de cursar um dos melhores cursos de jornalismo. Então, as chances de frustração são muitas!

Diante disso, acho bom você começar a ser autodidata e um bom observador. Aprenda com os erros e acertos de quem trabalha na área. Seja crítico. Além disso, crie um blog. Pode ser uma boa ideia para treinar sua escrita.
Outro ponto importante é criar conta no Facebook, Twitter, etc. Torne-se conhecido. Construa sua imagem diante dos colegas atuantes no mercado. No entanto, lembre-se que é preciso muito mais que estar presente nas redes sociais.
Dica 02 - Aprenda tanto quanto puder
Buscar estagiar em diversas áreas é importante. E se você pretende trabalhar com jornalismo televisivo recomendo que busque estagiar em uma rádio. Sim! O rádio tem o poder de te ajudar a ser um bom improvisador, além de fazer você pensar rápido. Duvida? Busque saber qual apresentador ou repórter começou pelo rádio. Você vai se surpreender!
Dica 03 - Faça contatos, muitos!
Engraçado, mas sempre ouço professores falando que precisamos de contatos. E, definitivamente, precisamos.

Ao entrar para a equipe do Portal ODIA, em Teresina (PI), senti na pele a importância do contato. Isso vai acontecer com você! Portanto, busque conhecer as pessoas importantes e adquira seus números de telefone. Você vai precisar. [claro que tu não irás chegar na cara dura pedindo o telefone do povo né, risos]. 

Dica 04 - Tenha informantes
Tenha contatos que possam lhe passar pautas. Tenha informantes. Recomendo que você faça amizade com algum policial, taxista, mototaxista ou motoboy, aquele vendedor de uma rua movimentada, picolezeiro, etc. Essas pessoas podem te ligar e apontar um assalto, acidente de carro ou qualquer outra informação que pode virar notícia.

Dica 05 - Seja como bombril
Atualmente já não basta saber escrever para ser jornalista. Vamos aprender um pouco de tudo. Adquira, principalmente, conhecimentos sobre novas mídias. 

Dica 06 - Escreva, escreva, escreva e escreva.  
Jornalista precisa escrever, e praticar é uma forma eficiente de aperfeiçoamento. Então, coloque a mão na massa, ou melhor, na caneta ou PC e pratique.
Dica 07 - Aprimore habilidades
Se você percebe que leva jeito para trabalhar em jornal impresso, dedique-se. Leia os melhores e volte à dica anterior. Identifique suas habilidades e busque o aperfeiçoamento.

Dica 08 - Esteja sempre preparado
Jornalista não tem folga. A qualquer momento um fato pode virar notícia, então esteja preparado. Um dia desses eu estava voltando para casa - umas 21h30 - após um dia de universidade e trabalho quando avistei viaturas da polícia e uma movimentação. Não pensei duas vezes, desci do ônibus e fui lá. 

A polícia tinha prendido dois homens acusados de roubo ao fórum de uma cidade vizinha. Com eles foram encontrados dois revólveres, drogas e objetos roubados. 

Dica 09 - Construa seu nome
Essa dica tem tudo haver com a primeira. Esteja presente nas redes sociais. Compartilhe seus trabalhos, participe de concursos, quando possível. Busque fazer bem feito. 

Dica 10 - Seja persistente
A primeira vez é sempre complicada. A segunda você evita erros da primeira. E esse deve ser o rumo, melhore sempre. Não desista. Obstáculos irão aparecer, aprenda a dribla-los. 


Você concorda com as dicas apresentadas? Deixe sua opinião abaixo.






Comentários: