17 de agosto de 2013



Não adianta, estudante de jornalismo que se preza deve ter profunda preocupação com o texto e sempre buscar melhorar sua escrita. Nessa busca constante, é importante ouvir conselhos de professores, colegas, profissionais e leitores. Porém, tenha cuidado com elogios de seu pai ou mãe. Eles costumam mentir só pra não te magoar [risos].

Na verdade, acredito que você não é doido e, mais do que ninguém, sabe quando escreveu um "texto cachorro". Portanto, seja honesto com você. Não se iluda!

Leia também:
+ Como escrever um texto com qualidade superior
+ 26 dicas sobre como fazer uma entrevista jornalística
+ Como fazer uma monografia em jornalismo
+ Como fazer uma entrevista jornalística
+ Como fazer um artigo de opinião
+ Como redigir um lead melhor

Foto: Google Imagens

Nessa postagem compartilho 12 dicas pra que você possa rever sua forma de redigir jornalisticamente e melhore cada vez mais.

1 - Tudo começa com uma pauta
Já falei outras vezes por aqui sobre a pauta. Inclusive, destaquei que é ela quem orienta o repórter e acaba sendo um auxílio pra quem quer escrever uma boa matéria. Além disso, a leitura atenta de publicações pode ser de grande ajuda. Leia de tudo um pouco!

+ O que é uma pauta no jornalismo

2  - Use a pirâmide invertida
O uso da pirâmide invertida ajuda bastante quem quer escrever melhor. A técnica é recomendada para releases e comunicados à imprensa. Porém, não é indicada para textos de revistas, blogs e outros!

+ Entenda a técnica da pirâmide invertida

3 - Tenha um bom gancho
O tal do gancho é algo que sempre ouvimos professores falando em sala de aula. Então, uma dica importante pra quem busca escrever melhor é definir qual vai ser o gancho antes de iniciar o texto.

Se você não entende sobre gancho no jornalismo recomendo que leia;

+ O que é gancho no jornalismo

4 - Tenha um bom título 
O título é muito importante. Nesse post, por exemplo, eu tentei atrair sua atenção a partir do título. Afinal, escrever uma matéria jornalística impecável é vontade de todo foca! Ou não?

O título é onde o leitor (ou jornalista, no caso dos releases) vai ver se vai em frente ou não. Muito cuidado nesta hora.O título precisa ter as palavras-chave certas, ser chamativo, intrigante, direto, interessante. 

 5 - Escrever é cortar, cortar, cortar...
Então, corte, corte, corte. Até onde puder.Isso não quer dizer que o texto deva ser superficial. Seja conciso. Concisão é tudo. Para quê escrever mais do que o necessário? 

06 - Seja claro e cristalino
Escreveu e ficou confuso? Reescreva! Escreva novamente até que sua mãe possa entender [risos]!

07 - Cuidado com o piloto automático
Jamais entre no modo “piloto automático” (ou zumbi) para escrever um texto. A folha em branco aceita tudo... Então, cuidado. Pense, reflita, reescreva.Corte redundâncias, informações desnecessárias, declarações longas.

08 - Escreva frases curtas
Utilize frases curtas. São mais fáceis de ler. Não cansam. Não dão a impressão de texto maçante. Frases curtas são legais.

09 - Conte uma história
Histórias e pessoas dão vida e veracidade a um texto. Use pessoas para contar a sua história. Quanto mais fontes forem ouvidas, mais rico será o texto. Portanto, mãos à obra!

10 - Apure direito!
Entreviste o maior número de fontes que puder e leia muito sobre o assunto. Cruze informações e contraponha e compare visões distintas. Não confie cegamente em informações encontradas na internet. Entreviste especialistas.

11 - Tenha carinho com seu texto
Tenha carinho e cuidado com seus textos. Escreva-os com calma. Os textos ficam para a nossa história pessoal. São a nossa profissão.Tenha atenção fanática aos detalhes. Revise.

12 - Ler faz você escrever melhor
Então...Leia muito! (E, claro, pratique se possível na mesma proporção.) Sobre esse assunto, recomendo esse post:

* Dicas de Carlos Eduardo, Diretor da Happy Hour, disponíveis na web e com leves modificações feitas por mim.


Gostou do conteúdo do Ferramentas Foca? 
Deixe seu comentário ou envie sugestão através do Formulário de Contato.







Comentários: