4 de maio de 2013



Se você já deixou de participar de alguma seleção de estágio ou simplesmente quer arrumar uma vaga, esse post deverá ser útil. Na busca por um espaço no mercado de trabalho precisamos ficar espertos. Toda atenção é pouca. E quando objetivamos um estágio na área do jornalismo, nossas buscas já são uma boa prática de investigação. No entanto, às vezes, não temos muito tempo. Pensando nisso, decidi indicar algumas formas pra você conseguir estagiar o quanto antes.



Leituras recomendadas


Se ligue nos conselhos de jornalistas experientes
Estagiar é importante, mas você precisa ter cuidado pra não entrar no mercado de trabalho com o pé esquerdo, quem alerta é Rômulo Maia, jornalista do Portal O DIA. De acordo com ele, "o estágio é um importante espaço de formação. O problema é que muitos jovens estão sendo deformados pelas lógicas tortas impostas pelo mercado de trabalho".

O jornalista ainda advertiu sobre o uso inadequado dos perfis sociais ao afirmar que fica assustado ao ver estudantes posando nas redes sociais com cédulas de dinheiro “dadas” pelos chefes". Atitude comum de estagiários de um determinado portal de notícias do Piauí. [Entrevista com o jornalista Rômulo Maia]



Diante de tudo o que foi colocado acima, é preciso que tenhamos em mente o quanto é importante um bom embasamento teórico. A universidade deve servir para nosso amadurecimento e conhecimento das práticas adotadas pelo mercado. Assim, entraremos mais preparados para a "batalha". 



A jornalista Letícia Pereira, ex-apresentadora da TV Clube, afiliada da Globo no Piauí, destaca a necessidade de um bom aproveitamento da formação acadêmica e destaca que precisamos criar, desde já, nossa rede de contatos."Vá pra aula, aproveite o professor que está lá e tem muito a compartilhar com você. Converse, pergunte, leia, faça experiências de projetos na sua área ainda na universidade, conheça as pessoas que estão no mercado, o que elas fazem, como elas fazem e faça com que elas conheçam você. Crie uma rede de contatos" orienta a jornalista Letícia Pereira. [Entrevista com a jornalista Letícia Pereira]

Consiga uma vaga de estágio através da internet
Chega de ficar o tempo todo olhando Facebook ou Twitter. Tire um tempinho para buscar vagas de estágios na internet. No Piauí, por exemplo, posso destacar alguns portais úteis pra você que busca uma vaga;

Portal CRH
Trata-se de um site atualizado constantemente com novas vagas de estágio. O Centro de Recursos Humanos (CRH) também oferece treinamentos para jovens estudantes. 

O Portal CRH é uma porta de entrada para o mercado de trabalho no Piauí. 

Asserthos Capital Humano
Trata-se de uma empresa que, além de disponibilizar vagas de empregos e estágios, oferece treinamentos. Fique ligado, acompanhe o Asserthos!

CEUT - Mural de Vagas
O Centro de Ensino Unificado de Teresina (CEUT) possui uma página exclusiva para informar aos interessados sobre novas vagas de estágio em diversas áreas.

Um diferencial desse site é a riqueza de detalhes ao informar uma nova vaga. 

Consiga uma vaga através de sua rede de contatos
Lembre-se que pra quem deseja ingressar no mercado é preciso, além do conhecimento, contatos. Construa uma boa relação com pessoas que podem indicar o seu trabalho.

Professores podem ser uma ponte entre você e uma redação. Conquiste-os através de seu comportamento e dedicação. Apresente seus textos (jornalísticos ou não), vídeos, etc. Peça ajuda para corrigir falhas e sempre cultive a humildade.



Um currículo pode te render uma vaga

Deixe seu material (currículo) nas redações que estão em busca de estagiários. Se não estiverem buscando um, não tem problema, deixe assim mesmo. Uma vez tomada a iniciativa, nunca deixe de visitar o meio de comunicação.

Sempre me disseram que quem não é visto, não é lembrado! Então, visite as redações. Faça isso com moderação!

Conclusão
O mercado de trabalho pra jornalismo é disputado, mas você se destacará mantendo-se informado e, principalmente, atualizando-se através de cursos de reciclagem. Fique de olho nas dicas aqui apresentadas e boa sorte!

Se você conhece outras formas de acompanharmos a disponibilização de vagas para a área do jornalismo, indique-as nos comentários abaixo.

Advertência
Esse texto não pode ser a única referência no seu aprendizado, busque outros e bons estudos! (Epifanio Santos)

Gostou dessas dicas? Compartilhe nas redes sociais ou deixe seu comentário abaixo. Se não gostou, diga o por quê?

Tópico: Ferramentas Foca






Comentários: